Meu Chá de Cozinha

Chegamos ao final da sequencia dos posts relacionados a Chá de Cozinha, pelo menos até a próxima da turma se casar, rs.

Este post é especial, pois fala do meu Chá de Cozinha.
                                                 Imagem 058                                                                                                    

O tema escolhido pelas madrinhas foi “oncinha”, (a minha cara!) tudo era de oncinha, desde a toalha da mesa, até a roupa das convidadas.
Reparem nos detalhes, tudo muito bem idealizado e planejado, perfeito.

Imagem 164

As flores escolhidas foram tulipa, astromélia, rosa, entre outras…

Docinhos Temáticos deliciosos e lindos, recheados de trufa de limão e de nozes.

Olha esses cupcakes que coisa mais linda!
Olha o de bolsinha e de sapato, a coisa mais perua !!!!
Minha cara rsrsrsrsr…

E a cadeira da noiva, toda forrada, cheia de balões em forma de croação com gás hélio e o principal, o noivo (crédito da mãe de uma das madrinhas que fez com que o simples sapinho virasse o noivo por um dia rsrsrs), muito legal.

Olha aí os deliciosos lanches redondos novamente, eles estão sempre presentes nos Chás.

Foi feito um bar de caipirinhas, onde era servido além das caipirinhas todas as outras bebidas, como água, refrigerante e champanhe.

As lembrancinhas eram a minha cara (já disse isso umas três vezes, né), elas sabiam que eu sou apaixonada por plantas, e nada mais original do que presentear cada convidada com uma pimentinha. Isso mesmo, uma muda de pimenta. Ficou muito legal além de mega criativo.

Viram como TUDO era de oncinha!
Parabéns meninas, vocês arrazaram.

Neste Chá de Cozinha, como nos outros, as madrinhas que participaram dividiram os gastos da festa juntamente com a ajuda da mãe e sogra da noiva.

Créditos
Flores: CEASA
Pães: Padaria Terracota
Bolo e docinhos temáticos: Piece Of Cake
Docinhos no Potinho: Sr. Gilberto e Dona Mª Eugênia
Toalhas: Loja Niazi Chouhfi http://www.niazi.com.br
CupCakes: Fernanda Gonçalves
site: http://www.fernandagoncalves.com/”
Gráfica: RM2 Gráfica
Organização e decoração: Jujú, Mari C., Mari, Jú Sá, Tati e ainda, mãe da noiva, sogra da noiva e Tia Régi.

Chá de Cozinha II

Hoje venho mostrar mais uma decoração de Chá de Cozinha.

Este Chá ficou mais elaborado que o primeiro (a gente vai pegando o jeito, né) a decoração ficou linda, toda em rosa e marrom, com gerberas, tulipas, astromelias, orquídeas e outras mais.

A ex-noiva é minha cunhada, a Mari, do blog Mundo das Marias http://www.mundodasmarias.blogspot.com/ e o Chá ficou a cara dela, muito fofo!

Mas vamos ao que interessa, ver como ficou o Chá de Cozinha da Mari.

Mesa de doces e bolo

Olha que bonitinha a Mari em cima do banquinho pendurando roupa no varal. O bolo ficou muito bonito e estava delicioso.

Cupcakes enchendo a mesa combinando com a decoração.

Reparem os detalhes dos docinhos temáticos, muito bem feitos. Estes com a colherzinha eram de limão.

Olha esta chaleirinha que fofa! Estes eram com recheio de nozes, lindos e deliciosos.

Brigadeiro e Bicho de pé, não podem faltar.

Dois pontos de salgados, um para os lanches e outro para os aperitivinhos

As lembrancinhas estavam muito fofas, foram deixadas dentro de uma bandeja e entregues para as convidadas no final do Chá. Era um lindo lencinho estampado para todas levarem no dia do casamento, e enxugar as lágrimas de emoção.

Como não dá para colocar as fotos de todos os ambientes, separei as mais importantes e bonitas. Faltou a foto do bar de caipirinha, onde eram servidas todas as bebidas como água, refrigerante, champanhe e caipirinha de frutas.

Neste Chá de Cozinha, como no outro, todas as madrinhas que participaram dividiram os gastos da festa juntamente com a ajuda da mãe e sogra da noiva.

Créditos
Flores: CEASA
Pães: Padaria Terracota
Bolo e docinhos temáticos: Piece Of Cake
Docinhos no Potinho: Sr. Gilberto e Dona Mª Eugênia
CupCakes: não lembro
Gráfica: RM2 Gráfica
Organização e decoração: Micha, Jujú, Mary, Pri, Karol, Fer, Val, Juliana, Fernanda, Merriel e ainda, mãe da noiva, sogra da noiva e Tia Régi.

Chá de Cozinha

Quando fui madrinha da minha prima Jujú tive, juntamente com as outras madrinhas, que organizar o Chá de Cozinha, a princípio foi um “Deus nos acuda”, nós não sabíamos nada, aliás, para muitas, era o primeiro chá de cozinha que iriam na vida.

Minha prima foi a primeira a se casar da nossa turma, e tudo para nós, inclusive para a noiva, era novidade.

Queríamos fazer uma coisa diferente, do que já tínhamos ouvido falar, uma coisa divertida e gostosa, fugindo um pouco do convencional, mas ao mesmo tempo não tirando a essência do Chá de Cozinha.

Durante dois meses as madrinhas trocaram diversos e-mails e cada uma ficou responsável por uma parte do evento, decoração, bebidas, doces, salgados, brincadeiras, castigos, lembrancinhas…tudo.

O Chá foi divido entre todas as madrinhas que participaram e a mãe e sogra da noiva ajudaram e participaram tanto financeiramente como também nos detalhes do evento.

Seguem algumas fotos do nosso 1º Chá de Cozinha, reparem que neste Chá tudo era personalizado…

E os docinhos ? Que coisa mais fofa..

Olha o bolo que demais! O rolo de macarrão, a cara de brava, rs, e o caderninho de receitas ? Muito fofo e bem feito!

Olha que fofas essas bolachinhas personalizadas

Os salgados encomendamos uns pães diferentes de uma padaria super gostosa aqui de São Paulo, ele tem vários recheios e tipos de pães. Fica super legal a apresentação, além de ser bem gostoso.

As lembrancinhas também ficaram uma graça… era um caderninho de anotações e um sachê de lavanda.

Créditos:
Flores: CEASA
Pães: Padaria Terracota
Bolo: não lembro
Bala de ovos: não lembro
Docinhos temáticos: Piece Of Cake
Docinhos no Potinho: Sr. Gilberto e Dona Mª Eugênia Heleny Toschi
Gráfica: RM2 Gráfica
Organização: Micha, Mari, Raquel, Dri, Dê, Tati, Vivi, Cá e Julie.

O que é TPC

Hoje meu noivo me mandou por e-mail uma reportagem que achei muito interessante.
Eu não sabia, nem nunca tinha ouvido falar na TPC ou Tensão Pré Casamento, mas agora lendo a matéria, vi que realmente isso existe, acontece, e as vezes pode ficar sério.

“Psicóloga afirma que o problema é causado por pressão familiar e perspectivas de mudanças.
Para Elisa Aires, psicóloga pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) que atende pelo grupo de apoio psicológico Psi Matrimônio, a tensão pré-casamento (TPC) é um momento de angústia que acomete tanto os futuros maridos como as esposas e pode ser ocasionada por diversos fatores: como a pressão da própria família, a perspectiva de formação de outra família, as dificuldades de organizar e administrar a cerimônia do casamento e o medo de responsabilidades, assim como de dificuldades financeiras.

Ela afirma que, para a mulher, o problema ocorre quando os parentes próximos, como pai, mãe e sogros pressionam para que tome decisões com as quais ela não concorda para a própria cerimônia do casamento, por exemplo, ou em situações onde não é possível, para ela, tomar decisões prévias, como a igreja onde ocorrerá o evento. Além disso, segundo a especialista, para as futuras esposas, a perspectiva de abandonar o lar e formar uma nova família assusta, uma vez que a mudança brusca de rotinas e de responsabilidades não é bem recebida. Em algumas situações, diante da tensão e da impossibilidade de realizar o casamento na igreja escolhida, por exemplo, a noiva pode ficar paralisada, no sentido de ser incapaz de decidir ou de buscar soluções.

Já para os homens, Elisa explica que a tensão se dá por outras razões, como o medo de ser incapaz como provedor ou de assumir a responsabilidade como ‘chefe’ da família. A concepção patriarcal da sociedade ainda é muito forte, e muitos jovens quando confrontados com o matrimônio, se sentem no dever de assumir essa posição. Para ela, no entanto, o grupo mais afetado pela tensão é o das mulheres, que ainda assumem a maioria das responsabilidades diretas na organização da cerimônia. Elas também sofrem boa parte das pressões familiares. A especialista também declara que entre as mulheres, o segmento mais afetado é o das noivas de classes abastadas, que costumam ter de gerenciar festas vistas com grande expectativa pelos parentes, e que, por razões óbvias, geralmente recebem mais recursos.

Elisa recomenda para os futuros noivos e noivas não se preocupar demais com as opiniões de parentes, e dar apoio um para o outro. De acordo com ela, vale a pena lembrar que a TPC é muito comum. Fazendo-se uma estimativa, poderia se dizer que afeta cerca de 50% das noivas. A psicóloga afirma que não há necessidade de alarme em decorrência das frustrações antes do casamento e, caso a TPC ocorra, boas soluções são buscar o apoio de amigos e, em situações mais sérias, a ajuda de um especialista.”

Ok, para ele ter me enviado esta reportagem é por que ele acha que estou com TPC, né !?! rsrs.
Admito que além de TPM agora tb tenho TPC, rsrs.

Ser noiva

Costumo dizer que ser noiva é uma explosão de sentimentos, todos ao mesmo tempo.
No mesmo dia a gente fica extremamente empolgada com alguma coisa, e alguma horas depois extremamente irritada com outra coisa.
Isso é coisa de mulher né… aliás, ser noiva é coisa de mulher, é tanta coisa que passa na nossa cabeça durante todo o tempo. Só mulher consegue pensar em diversas coisas ao mesmo tempo, o bolo do casamento, atender a ligação do chefe bravo e ainda por cima responder o e-mail carinhoso para o noivo.
É.. a noiva que trabalha, cuida da festa e do apto/casa (como é o meu caso) tem que ser “mil e uma utilidades”.
Estou noiva há 1 ano e 4 meses.
Durante todo este período posso dizer que os primeiros 12 meses foram tranquilos, mas esses últios meses, nossas ,estão uma loucura!
É interessante como as coisas funcionam, vivermos num mundo machista, e até mesmo pelo fato da mulher querer muitas vezes tomar frente das coisas, tudo acaba dependendo da gente, digo da gente noiva. Desde a escolha da dobra do guardanapo, as flores da decoração da festa, as músicas que irão tocar a cada momento, seja na cerimônia ou na festa, enfim, tudo, absolutamente tudo depende da noiva.
E não pensem que sua mãe ou mesmo a assessora vão lhe ajudar, muitas vezes elas não querem dar palpites ou para não lhe deixar confusa ou mesmo para não fazer você tender para um lado ou outro. Elas simplesmente ficam caladas, e a noiva, coitada, não sabe o que fazer muitas vezes, rsrs.
É, ser noiva não é tão fácil…
Mas também não tão difícil…
Ser noiva é muito bom! É com certeza uma fase que jamais esqueceremos da nossa vida, aconteça o que acontecer.